A Providência fala

Ontem a tarde acolitei uma Missa no rito paulino (sim, para desgosto e escândalo dos tradchatos acolito missas nesse rito), que será a Missa da qual a maior parte dos católicos participarão no dia de hoje, inclusive as raposas que cercam o Papa eleito e ele próprio, e achei bem interessante a mensagem que Providência resolveu lhes dar na primeira leitura (Jeremias XXIII, 1-6):

Ai dos pastores que deixam perder-se e dispersar-se o rebanho miúdo de minha pastagem! – oráculo do Senhor.  Por isso, assim fala o Senhor, Deus de Israel, acerca dos pastores que apascentam o meu povo: “Dispersastes o meu rebanho e o afugentastes, sem dele vos ocupar. Eu, porém, vou ocupar-me à vossa custa da malícia de tal procedimento – oráculo do Senhor. Reunirei o que restar das minhas ovelhas, espa­lhadas pelos países em que as exilei e as trarei para as pastagens em que se hão de multiplicar.  Escolherei para elas pastores que as apascentarão, de sorte que não tenham receios nem temores, e já nenhuma delas se extravie – oráculo do Senhor”. Dias virão – oráculo do Senhor – em que farei brotar de Davi um rebento justo que será rei e governará com sabedoria e exercerá na terra o direito e a equidade. Sob seu reinado será salvo Judá, e viverá Israel em segurança. E eis o nome com que será chamado: Javé-Nossa-Justiça!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s