Circuncisão do Senhor (Oitava do Natal)

Circuncisão“Chegado o dia oitavo, em que se devia circuncidar o Menino, foi-lhe posto o nome de Jesus” (Evangelho)

A liturgia deste dia celebra três festas.

A primeira é a que os antigos sacramentários designavam sob o título de “Oitava do Senhor”. É realmente, na sua maior parte, uma Missa de Oitava a Missa de hoje, já que muito próxima das missas do Natal.

Celebrava-se outrora na Basílica de Santa Maria Maior uma segunda Missa em honra da Mãe de Deus. Resta dela um vestígio na Oração, Secreta e Pós-Comunhão tiradas da Missa votiva da Santíssima Virgem, e nos Salmos de Vésperas, extraídos do Ofício de Nossa Senhora. São particularmente belas as Antífonas de Vésperas e a preferência por elas dada à Santíssima Virgem revela a delicada atenção da Igreja em reconhecer quanto deve à Mãe do Salvador.

Finalmente, a terceira festa é a da Circuncisão celebrada desde o século VI no Ocidente e desde o século IV no Oriente. Moisés, seguindo a orientação que Deus dera a Abraão, impunha este rito de purificação a todos os varões israelitas no oitavo dia após o nascimento (Evangelho). Era uma figura do Batismo pelo qual o homem havia de ser espiritualmente circuncidado “pela extirpação dos vícios, e julgado digno do olhar do Senhor” (Santo Ambrósio, 3° noturno das Matinas).

O Senhor aceitou a circuncisão para que, mais tarde, ninguém pudesse ficar em dúvida de que Ele é verdadeiramente homem, ao contrário de ser o portador da ilusão de uma carne meramente aparente, como certos hereges (docetistas) ensinaram.

Em suma, neste dia Jesus é indicado como Vítima de sacrifício: “Cujo império repousa sobre seus ombros” (Intróito), e já se pode dizer: “Viram todos os confins da terra a salvação” (Gradual e Comunhão). “Ele Se deu a Si mesmo”, di-lo a Epístola, “para nos remir”. Ademais, pela Virgem Maria, “merecemos receber o Autor da vida, Nosso Senhor Jesus Cristo” (Oração). Imploramos-Lhe o auxílio para que nossas “ofertas” sacrificais (Secreta) e a Santa Comunhão “nos purifiquem de todo pecado”.

Circuncisão do Senhor na Oitava do Natal

Circuncisão do Senhor na Oitava do Natal – livreto

Jornal – Circuncisão

Jornal – Circuncisão – livreto

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s