Fascistas são os outros: um exemplo concreto

Em 2010 publiquei um texto que analisava o fato da esquerda instrumentalizar a palavra fascista (assim como certa direita, diga-se de passagem, faz com termo comunista) para mil e um propósitos, todos distantes do rigor acadêmico; hoje a tarde, na UFPE, recebi um fruto concreto disso: um panfleto contrário a exibição do documentário O Jardim das Aflições, por ele supostamente ser uma peça publicitária da “direita fascista”. Julguem por si mesmos:

O texto do panfleto é esse:

No próximo dia 27, será exibido no Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFCH) da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) o filme “Jardim das Aflições”, inspirado na obra do fascista Olavo de Carvalho.

A exibição deste filme não é por acaso. Após o golpe de Estado dado contra Dilma Rousseff, a direita vem avançando de maneira cada vez mais agressiva sobre os trabalhadores. O MBL, nas últimas semanas, organizou fortes investidas contra os LGBTs. Os militares, por sua vez, já demonstraram que o golpe militar é uma possibilidade real.

A exibição do filme de Olavo de Carvalho no CFCH é mais uma afronta à esquerda. Trata-se de uma tentativa de a burguesia mostrar que a extrema-direita tem o apoio dos estudantes universitários, particularmente de Ciências Humanas.

Por isso, todos os trabalhadores e setores democráticos não podem aceitar essa afronta. Convidamos, portanto, todos os estudantes a comparecerem ao nosso cine-debate, onde exibiremos um filme que desvenda os horrores da ditadura militar e discutiremos uma agenda de lutas contra o golpe militar que está por vir.

2 respostas em “Fascistas são os outros: um exemplo concreto

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s